Artigos

Mixmania, o balanço do momento

Recordações do programa que embalou uma geração inteira de fãs da Black Music, comandado por Celsão

Pioneiro da Black Music, em especial o Rap americano, da segunda metade dos anos 1980 no Distrito Federal, Celso Ferreira Gomes, conhecido como DJ Celsão, atuou em várias rádios de Brasília, sempre com seu programa Mixmania. Grande divulgador de boas músicas, sempre tocava o melhor do R&B, Funk, Charme e Rap em suas festas.

Charmeiro por excelência, carioca de nascimento vindo de Realengo, DJ por vocação e por paixão, Celso sempre leva alegria aos bailes desde seus tempos de Rio de Janeiro. Desde 1985 comandava o Mixmania, em Brasília, programa de grande repercussão no meio musical. Um de seus bordões de início de programa era o “graanndeeee galeraaaaa, está no ar mais um Mixmania, o balanço do momento”, onde a música de fundo dava o tom do que viria a seguir.

Celsão também vivia dramas, logo no início dos anos 1990, em virtude de trabalhar com um gênero musical vindo dos EUA e da parcela pobre e negra daquele país. Na primeira vez que o Programa foi apresentado ao vivo em Cidade Ocidental-GO, Celso mostrou que não era apenas um DJ. Era esclarecido nas questões de raça e não levava desaforo pra casa, embora fosse de índole afável e grande amigo.

Celsão em foto de Thais Batalha
Celsão em foto de Thais Batalha

Quando o disco da Equipe Furacão 2000 começou a pular enquanto tocava a primeira faixa, tirou a bolacha da pick-up e disse:

– Com disco velho, a gente faz assim ó: e quebrou o disco.

E uma vozinha lá embaixo gritou:

– Só podia ser preto mesmo para fazer um troço desse!

Ele pegou o microfone e diante de mais de mil pessoas, casa lotada como nunca havia visto antes, sem música de fundo, mandou:

– É, mas esse preto aqui, está sendo pago pra tocar música de preto pra você dançar, e esse preto aqui vai continuar tocando música de preto até as seis da manhã e fazendo coisas de preto até raiar o dia!

Nosso amigo ainda seria por três vezes, jurado do Hutuz, maior premiação do Hip-Hop na América Latina, onde seria contestado por grupos radicais do Rap e Hip-Hop, mal sabendo eles que estavam diante de uma lenda e uma das grandes autoridades musicais do Centro-Oeste, acompanhando as tendências do gênero desde sua criação. Participou, por exemplo, em 1990 do lançamento do primeiro disco de Rap de Brasília lançado pelo selo Kaskatas: DJ Raffa & Os Magrellos – A Ousadia do Rap de Brasília, como compositor e vocal em duas músicas.

Celso morreu em 04 de outubro de 2015, no Rio de Janeiro.

Clique aqui e faça parte da comunidade do Facebook que homenageia o DJ Celsão.

Categorias:Artigos, Musica

Marcado como:, , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.